TEATRO NOVA JERUSALÉM - Imagens captadas pela Professora de Geografia para nosso BLOG

TEATRO DE NOVA JERUSALEM PELO OLHAR DA PROFESSORA MARINEIS

A enviada especial do CONTINENTAL CULTURAL à Nova Jerusalem, Professora MARINEIS; fez uma cobertura de imagens belíssimas para presentear a curiosidade dos alunos do nosso projeto Blog.

Por estarmos num período bastante oportuno, já que há poucos dias atrás passamos pela PÁSCOA, essas fotos servirão para nossa pesquisa sobre a simbologia desse rito de passagem RELIGIOSA E HISTÓRICA.

Cidade-teatro é réplica da antiga Jerusalém

Uma viagem no tempo. Essa á a sensação experimentada por milhões de pessoas de diversas partes do mundo que já assistiram ao espetáculo da Paixão de Cristo de Nova Jerusalém encenado em Fazenda Nova, Pernambuco, durante a Semana Santa.

Ali, em meio à paisagem árida do Agreste nordestino, foi construído, há 40 anos, o maior teatro ao ar livre do mundo, uma réplica da antiga Jerusalém dos tempos de Jesus, que serve de cenário para o espetáculo que tem maravilhado pessoas de todas as idades ao longo dos anos pela sua grandiosidade.

Todas as noites, diante dos olhos incrédulos de cerca de 10 mil espectadores, uma história de fé, esperança e emoção é contada por 500 atores e figurantes em nove palcos-platéias monumentais, como o Palácio de Herodes, o Fórum de Pilatos, e o Cenáculo da última ceia. Modernos efeitos especiais de luz e som somam-se à paisagem que envolve a cidade-teatro - semelhante à da árida Judéia - o que aumenta ainda mais a beleza e a emoção das cenas.

Em pouco mais de duas horas, o realismo do espetáculo presente nos cenários, na fisionomia e nos trajes dos personagens, faz com que os turistas deixem de ser meros espectadores. Sob o céu estrelado do Agreste, o público inevitavelmente se confunde com os figurantes. Passam a ser coadjuvantes do povo que um dia seguiu os passos de Jesus nas terras da Judéia há 2 mil anos. Tudo isso faz da Paixão de Cristo de Nova Jerusalém uma oportunidade única de se de vivenciar a mais emocionante história da humanidade.

Agradecemos a Professora pela gentileza e atenção com nosso projeto.

    

VEJA TAMBÉM

1 comentários