CONTEÚDOS ARTÍSTICOS - ESTUDOS PARA O PROVÃO DE QUINTA FEIRA




Fui eu quem compus a avaliação bimestral de ARTES para todas as 6ªs e 7ªs séries de nossa escola: 
6ª A, B, C, D, E, F e G   e   7ªs A, B, C, D, E, F, G e H - ao todo 15 turmas.


Por isso nessa postagem passarei algumas orientações sobre a prova e explicações sobre os conteúdos já abordados em sala de aula, uma espécie de revisão.


PROVÃO DE ARTE PARA AS 6ªS SÉRIES:

A estética foi algo bastante discutido em sala de aula, estética é o estudo do belo, a noção de beleza que está em toda e qualquer visualidade do nosso dia a dia e não apenas em obras de arte. A mãe quando vai ao salão de estética é com certeza pra voltar mais bonita. Todas as nossas ações buscam uma estética agradável.


Também discutimos bastante sobre o DESENHO, desde os primórdios, desde os homens das cavernas até os dias atuais.
O desenho está presente em todos os dias de nossas vidas: Desenho como forma simbólica de comunicação, como registro, como arte, como lazer, como mapas, plantas de arquitetura para construir uma casa, esboço de um projeto e outras infinitas possibilidades.
No Brasil também há arte rupestre, (rupestre quer dizer rocha) ao contrário do que se imaginava que desenhos em cavernas só existiam em cavernas da Europa, Ásia, África, mas não; no Brasil há desenhos rupestres no Parque Nacional da Serra da Capivara em São Raimundo Nonato no Estado do Piauí que existem até hoje preservadas esses desenhos milenares.  
Grupo Barbatuques de Percussão Corporal
Na "Apostila do Aluno Volume 1" existem estudos sobre instrumentos não convencionais que são aqueles objetos do cotidiano que tem outras finalidades, mas que artistas usam para fazer música, por exemplo, o Grupo Blue Man Group (Os homens Azuis) fazem sons maravilhosos com canos de PVC (aqueles de construção) com canduites, latas, plásticos ou qualquer outros objetos. 
O Grupo Brasileiro BARBATUQUES se destaca por fazer um som utilizando o próprio corpo, com muitas variações de ritmos. 


Na avaliação ainda teremos muitos outros temas debatidos como CULTURA, 29ª BIENAL DE ARTES DE SÃO PAULO, ANÁLISE DE OBRA DE ARTE CONTEMPORÂNEA E ALTURA/INTENSIDADE DOS SONS.

PROVÃO DE ARTE PARA AS 7ªS SÉRIES:

Esses ultimos meses tem sido de muitas exposições de artes plásticas em nossa escola; meus alunos produziram obras interessantíssimas que se transformaram em belas exposições que com certeza chamaram muito a atenção de toda a escola. Foram muitas montagens e desmontagem, reflexão sobre o melhor local de exposição. Tivemos:
* 2ª EXPO U.É.? UNIDADES ESTÉTICAS
* BRASILIDADE PELO OLHAR DO ALUNO
* COR-CORPO
* CARICATURAS
Nesse processo de montagem da exposição aparece um profissional bastante importante: O CURADOR. 
Em algumas ocasiões o curador fui eu e em outras foram vocês.
Como já expliquei o curador é o profissional que organiza as obras de arte no espaço físico da exposição, de maneira estratégica para atrair o olhar do espectador, além disso, geralmente ele também escreve sobre o processo de criação dos artistas.
Estudamos sobre SEMIÓTICA, expliquei o texto em sala de aula e em seguida debatemos na prática ao visitar uma de nossas exposições. A representação de algo real é chamada de signos, o conjunto de signos é o que denominamos de semiótica.
O obra (pintura) de René Magritte exposta aqui mesmo em nosso blog é um convite ao debate das representações, portanto da semiótica. No quadro existe um cachimbo pintado realisticamente e abaixo uma frase: "Isso não é um cachimbo".
O que  artista quis problematizar é que a obra de arte não é a realidade, mas é uma representação da realidade. Quais possibilidades de representação de um GIZ???
A PALAVRA GIZ ESCRITA, A PALAVRA GIZ FALADA, O GIZ DESENHADO, O GIZ PINTADO NUMA TELA, A FOTOGRAFIA DO GIZ, UMA ESCULTURA GIGANTE DO GIZ. PORÉM NENHUM DESSES É O GIZ REAL, SÃO TODAS REPRESENTAÇÕES.


NA AVALIAÇÃO AINDA TEREMOS QUESTÕES SOBRE AS TRÊS FASES DA DANÇA NA HISTÓRIA DA ARTE (MODERNO, CLÁSSICO E CONTEMPORÂNEO) CAIRÁ TAMBÉM SOBRE SOM, CULTURA, CINEMA E ANÁLISE OBJETIVA/SUBJETIVA DE OBRA DE ARTE.

Para comentar essa matéria clique no link abaixo "0 comentários"

VEJA TAMBÉM

2 comentários