VIRADA 2014 - MENSAGEM FINAL DO PROFESSOR ORTAET

Reflexões sobre uma VIRADA na escola!!! Por que a escola merece ser sempre VIRADA e REVIRADA!!! Escola de todas as cores, de todos os sons...

Pra falar de nossa virada vou me ater a uma metáfora possível, mas que muitos podem achar pouco provável... Quando uma escola de samba cruza a concentração, desponta na avenida em pleno abrir dos portões e disparar do cronômetro, com gritos entoados e entusiasmo eufórico de milhares de componentes, uma descarga de adrenalina toma conta de todo o corpo; sei bem o que é isso, pelas vezes em que eu defendi o pavilhão da X-9 Paulistana e tive o privilégio de sentir essa energia inexplicável. Vou me valer dessa experiência pra contar a epopeia de uma ousadia dentro da escola, o que nomeamos de Virada Cultural Independente!

Muitas coisas não saem como o planejado no passar da escola de samba na avenida, adereços caem, passistas escorregam, pequenos acidentes acontecem, alas dão algum passo titubeando se é a hora certa de avançar, maquiagens desmancham e outras infinidades de detalhes se esvaem com a fúria do tempo que grita pela passagem esfuziante. Mesmo sendo planejado durante um ano inteiro, coisas acontecem e as vezes até prejudicam a evolução do desfile; mesmo sabendo que existem tantas pessoas engajadas para que tudo saia perfeito, mas a perfeição é sempre utopia e que sejamos utópicos pelo bem comum, pela nossa cultura.

Assim também foi a nossa Virada, foram meses de reuniões, contatos, conversas, acordos, orientações, esforços, lideranças, empenho, brilho nos olhos, sonhos, trabalho em equipe, zelo por detalhes, motivação, suor e até fadiga para realizar um evento desse porte, evento sem precedentes em escolas públicas (e privadas) evento que mobiliza, que instiga, que enche de orgulho e que acima de tudo dá crédito a essa juventude que vai longe; juventude que é minha VIDA, mesmo quando eu for bem velhinho, pois alma nunca envelhece! Mesmo imprevistos acontecendo, adereços caindo, falhas apontadas eu prefiro olhar para a BELEZA DA RELAÇÃO HUMANA, PARA O AMOR INCONTIDO NOS OLHOS, PARA O TRABALHO COLETIVO, PARA AS NOVAS PARCERIAS, PARA AS PESSOAS DE BEM QUE ESTIVERAM CONOSCO, PARA O ALICERCE QUE ESTRUTURAMOS PRO FUTURO... 

Os erros vão todos para reunião PÓS-VIRADA, pois todos DEVEM ser analisados, refletidos, repensados, para melhorarmos enquanto artistas e cidadãos!!! Afinal escola é lugar de errar pra que a aprendizagem seja significativa e EFETIVA... Mas não usemos borrachas, pois do mesmo modo que a vida se escreve na prática e nada se apaga, assim fazemos, nosso MOTE é a PRÁXIS HUMANAS!!! 

E que minha gratidão infinita submerja cada um dos que se permitem conjugar mais “NÓS” do que “EU” aos que ainda não se permitiram, quem sabe um dia a vida ensina!!!


“Eu fico com a pureza da resposta das crianças... É a vida, é bonita e é bonita!!! Viver e não ter a vergonha de ser feliz, cantar e cantar e cantar a beleza de ser um eterno aprendiz”  Gonzaguinha

Professor Tiago Ortaet (feliz pela história escrita, mas nostálgico pelos alunos que estão de partida 2007-2014)

VEJA TAMBÉM

0 comentários